fbpx
Escolha uma Página

onsidere o seguinte cenário: temos nossa empresa, loja física, montamos nosso site que evolui para uma loja virtual e daí vem a ideia de usar redes sociais para ajudar a divulgá-la. Começamos a divulgação e atingimos um público aqui, outro ali. Nos interessamos mais e começamos a patrocinar posts, vemos certo resultado quando um cliente vem e diz que “viu o post no Facebook”.

Evoluímos mais um pouco e contratamos uma pessoa focada em redes sociais. Post vai, post vem e você chega a um limite se não sabe se essas publicações poderiam ser melhores, se dá pra crescer, se dá pra aprender com os erros, certo? Então esse artigo é pra você.

Ah, só quero lembrar que essa é uma sugestão na forma de trabalhar, tá? Adapte os objetivos e métricas ao seu negócio.

Estabeleça objetivos para os canais sociais

Esse problema não está ligado somente a pequenas empresas, muitas de grande porte também não sabem porque estão no Facebook, Twitter, Instagram, etc. Comece por estabelecer onde quer chegar com cada rede social, respeitando o propósito que cada uma deve ter e que nem sempre são os mesmos de uma outra rede social.

Se por exemplo, na sua página do Facebook o objetivo definido para ela é que as pessoas conheçam a sua empresa e, posteriormente vender, você precisa estabelecer métricas para cada um deles.

E como eu estabeleço esses objetivos? Aqui vão algumas dicas:

1) Eles precisam ser claros e objetivos: “quero atingir mais de 5.000 pessoas por post nos próximos 2 meses” ou “quero gerar pelo menos 3 vendas por semana através das minhas publicações;

2) Mensurável: pelo menos uma ou duas métricas devem conseguir responder seu objetivo;

3) Alcançável: um objetivo não pode ser impossível de conseguir;

4) Realista: dentro dos meus esforços e dentro das minhas receitas, é possível de realizar;

5) Tempo: defina um tempo hábil de execução

Alguns exemplos de objetivos dentro das redes sociais:

  • Aumentar o conhecimento da minha marca;
  • Melhorar o retorno sobre investimento (ROI);
  • Criar uma base de fãs e seguidores engajada;
  • Aumentar as vendas.

Defina as métricas para cada objetivo

Como eu disse, cada objetivo deve ter ao menos uma ou duas métricas para mensurar os resultados. O Facebook, por exemplo, traz uma série de indicadores nos posts que ajudam na mensuração. Por exemplo:

  • Total de curtidas no post, comentários e compartilhamentos. Mais recentemente o Facebook implementou as reações. Perceba que algumas das reações são negativas para sua marca, portanto, o ideal é você somar as reações positivas + likes separadas das reações negativas. Partindo desse princípio, você pode somar as curtidas + comentários + compartilhamentos e dividir sobre o alcance total da publicação e depois multiplique por 100, assim você terá a taxa de engajamento por post. Acompanhe essa taxa e veja quais posts conquistam melhores taxas de engajamento.

Para uma taxa de engajamento para a sua página, em que você deseja analisar como foi o desempenho em uma semana ou mês, por exemplo, você pode seguir o cálculo abaixo:

(imagem retirada do site do Buzzmonitor)

Cliques no link: se você possui um encurtador de link como o Bit.ly, por exemplo, você consegue analisar quantos clicks aquele link recebeu. Procure entender melhor como mensurar através de um encurtador, pode te ajudar bastante. Plataformas como o Facebook Insights da sua página também fornecem link-clicks.

Alcance total da sua página: acompanhe constantemente a evolução da quantidade de fãs e do alcance total (fãs + não fãs) da sua página, eles dizem muito o quanto você está sendo relevante dentro do Facebook. Para o Twitter, veja as impressões de cada tweet e capriche cada vez que perceber que o volume de impressões aumentou. Pode ser que você esteja indo no caminho certo.

Qual o período ideal de análise?

Varia para cada tipo de negócio: eu olho o desempenho dos meus posts diariamente mas quando uma marca precisa entender como está desempenhando no Facebook, por exemplo, a análise pode ser semanal, quinzenal e mensal. Mas tente analisar pelo menos 2 vezes por mês.

Mais métricas

Aqui, mais algumas métricas que podem ajudar nos seus objetivos:

  • Visualizações de páginas vindo dos posts na rede social. Analise isso através do Google Analytics;
  • Conversões vindas de redes sociais também podem ser analisadas através do Google Analytics;
  • Cadastro de e-mails: através de posts patrocinados com esta finalidade permitem que você consiga ver quantas pessoas visualizaram o post e quantas realmente se cadastraram;
  • Número de pessoas que marcaram sua página ou marcaram pessoas no seu post. Isso é na base do olhômetro mesmo em cada rede social: veja quem marcou, quantas marcaram, etc.
  • Avaliações no Facebook: veja o número de estrelas que recebe, esteja atento aos comentários e responda sempre que possível.
  • Para verificar se seus fãs estão engajados com você, analise se eles estão comentando positivamente e compartilhando suas publicações, e como esses compartilhamentos estão repercutindo nas redes dos usuários que divulgaram;
  • Se existem menções espontâneas sobre sua marca nas redes sociais: busque pelo nome da sua marca e/ou campanha de marketing e veja se as pessoas estão falando sobre você. Esse é o primórdio do monitoramento em redes sociais.

Muitas vezes, você vai perceber que os objetivos vão se complementar: aumentando sua base de fãs engajada, você naturalmente aumenta suas vendas e vice-versa. O que mais importa é você tratar as redes sociais como um espaço sério e largo potencial de mensuração e análise. É ali onde o público online se encontra e é ali onde você tem grande chance de crescer. Trate-a como uma importante ferramenta – mas não única! – de divulgação e relacionamento.

Agora que você sabe como começar a trabalhar nas redes sociais, me diz o que você quer ler no próximo artigo. Até breve.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.